Ilha de Paquetá PQT - Ponto de Mídia Livre

São Roque

Santo Padroeiro da Ilha de Paquetá

Dia de comemoração: 16 de agosto

Clique aqui e confira a programação deste ano

Sobre São Roque

São Roque e um cachorro ao lado Conta-nos a história que São Roque nasceu em Montpellier, na França, no ano de 1295 e que era filho de um nobre fidalgo, chamado João, e de Libéria, mulher acostumada a longas e continuadas orações, que frutificaram na vocação religiosa e na prática da piedade do seu filho.

S.Roque ficou órfão aos 20 anos de idade e desde então distribuiu todos os seus bens entre os pobres e dedicou-se a ajudar os enfermos e, em especial, aos atingidos por epidemias, como a peste que, naquela época, se espalhava por toda a Europa.

Consta que ele também veio a ficar doente e que para não ser molesto a ninguém, arrastou-se até um bosque próximo aonde havia uma choupana abandonada e resolveu ficar ali até que aprouvesse a Deus restaurar-lhe a saúde. E foi então que aconteceu um fato surpreendente e que é considerado o primeiro grande milagre desse santo:
Todos os dias um cão retirava da mesa do seu dono, Gotardo, um pão, que carregava entre os dentes e levava para S.Roque, para que lhe servisse de alimento e, assim, a sua saúde pudesse ser restaurada. Um dia, Gottardo resolveu seguir o seu cachorro e foi então que encontrou S.Roque, a quem acolheu na sua casa até que ele se restabelecesse completamente. Dizem que onde houvesse qualquer epidemia, a simples chegada de S. Roque fazia com que ela fosse debelada e foi por isso que êle ficou conhecido como protetor das doenças epidêmicas e, em especial, da peste.

São Roque é comemorado no dia 16 de Agosto e a origem da sua festa em Paquetá está também envolta numa atmosfera lendária:

Fonte: A Festa de São Roque no Web Artigos